Sobre o ILBJ

O Instituto Luciano Barreto Júnior (ILBJ) foi constituído no dia 23 de janeiro de 2003, tendo como objetivo principal possibilitar a infoinclusão social de adolescentes e jovens sergipanos, tendo como âncora no processo de aprendizagem o projeto “Conectando com a Vida” através de conteúdo específico, diversos outros subprojetos, cursos, oficinas e palestras, atividades socioeducativas, artes, intencionando a preparação para o mundo do trabalho e a cidadania.

É uma instituição sem fins lucrativos, onde todos os recursos financeiros necessários para a manutenção e implementação das suas ações são providas pela Construtora Celi Ltda. Desde sua criação, o ILBJ já formou cerca de oito mil alunos.

O Instituto é o resultado concreto do sonho de Luciano Júnior, um dos diretores da Construtora Celi, que via a necessidade de constituir uma entidade para sistematizar e ampliar as ações sociais já realizadas pela empresa. Luciano Júnior partiu sem concretizar suas ideias, mas deixou-as como base para a implantação do Instituto, que hoje reflete seu desejo de fazer uma sociedade mais justa e igualitária. O diretor-presidente da Celi, Luciano Franco Barreto, assumiu o compromisso de concretizar os sonhos de seu filho, criando, assim, o Instituto Luciano Barreto Júnior, no dia 11 de agosto de 2003.

O ILBJ atua especificamente na área socioeducativa como forma de preparação para o trabalho e cidadania para jovens em situação de vulnerabilidade social e pessoal, através do projeto ‘Conectando com a Vida’, além dos diversos outros projetos.

 

Missão

Contribuir para o desenvolvimento humano de adolescentes e jovens sergipanos por meio de ações socioeducativas voltadas para a preparação para o trabalho, infoinclusão social e o exercício pleno da cidadania.

 

Visão

Desenvolver-se como modelo de instituição social e educacional no âmbito regional, estimulando a inclusão de seu público no mundo globalizado através de práticas inovadoras e criativas.

 

Valores

Ética, fraternidade, liberdade, diversidade, solidariedade, autonomia e independência.

 

Projeto Institucional

O projeto institucional do ILBJ tem como princípios pedagógicos os quatro pilares para educação do século XXI: aprender a aprender, aprender a ser, aprender a fazer, aprender a conviver. Trata-se de posicionamentos valorativos que permeiam todos os projetos e respectivas ações que visam proporcionar o desenvolvimento intelectual tendo em vista a formação para a cidadania e para o mundo do trabalho.

 

Objetivos

Como uma Instituição sem fins lucrativos, o ILBJ tem como objetivo maior, desenvolver as potencialidades do ser humano, em especial de adolescentes e jovens sergipanos em situação de risco social e/ou pessoal, através de ações e projetos educativos, socioculturais e esportivos, que os prepare para a vida, para o mundo do trabalho e para a cidadania.

Para realizar este objetivo, o Instituto pretende, mais especificamente:

  • Promover atividades direta ou indiretamente relacionadas a educação, cultura e a preparação para o trabalho e cidadania de adolescentes e jovens de baixa renda no Estado de Sergipe;
  • Contribuir para o acesso de adolescentes e jovens, à informação e aos meios para adquiri-la, visto que se entende a democratização da informação como direito social básico;
  • Desenvolver, coordenar e apoiar projetos estratégicos nos campos da educação, cultura, esporte e trabalho, voltados para o desenvolvimento de adolescentes e jovens;
  • Estimular os mecanismos de inclusão social e de promoção da cidadania, de forma autônoma ou mediante parcerias e intercâmbios com organizações não governamentais, universidades, empresas e outras entidades;
  • Ser instrumento da sociedade civil organizada na viabilização de projetos que identifique e apresente soluções para as demandas e necessidades de adolescentes e jovens, mobilizando recursos humanos, técnicos e financeiros;
  • Propiciar a tecnologia como um recurso democrático, de acesso a todos que dela necessitam, não apenas de uma minoria.